Acesso Dna dos Motores - Aparem Acesso ao Dna dos Motorres - Aparem

Dropdown Menu com CSS e MySql

Técnico - Lançamentos
Parafusos com aperto angular

Parafusos com aperto angular:

                   A cada novo projeto de motor ou a cada atualização realizada nos atuais, estamos obtendo motores mais potentes, mais leves e mais flexíveis, apresentando deformação elástica muito maior que os anteriores.

                   Essa evolução obrigou alguns componentes a ficarem mais leves, além de novos materiais mais elásticos, como é o caso dos parafusos especiais  aplicados em cabeçotes, bielas, mancais, volantes etc.

                   Todos os parafusos elásticos, ou seja, que nas tabelas exigem apertos angulares (ângulo/ graus) são dimensionados para garantir um torque uniforme, evitando assim deformações em juntas de vedação ou dos alojamentos dos componentes com dureza menor, como é o caso das bronzinas. Devemos a isto, substituí-los de acordo com as recomendações do manual do motor ou fabricante do veículo.

                   Nos motores atuais, com aumento das cargas dinâmicas e térmicas, e redução de peso dos componentes, aumentou a exigência à fadiga de todos os vínculos de união internos do motor. Em razão a todo esse desenvolvimento, concluiu-se que para se ter uma maior resistência à fadiga, é necessário que o parafuso seja apertado ligeiramente acima do limite elástico do material utilizado na sua construção, região conhecida como zona plástica, aonde é produzida uma deformação permanente, conhecida também como estiramento do material, em alguns casos até três milímetros logo na montagem. Isto faz com que o diâmetro do parafuso diminua, rompendo se for reinstalado com a carga original especificada.

                   Os parafusos com aperto angular asseguram assim a uniformidade especificada mo torqueamento, pois são projetados com materiais e qualidades necessárias para permitir que trabalhem na zona de deformação plástica, onde os parafusos perdem suas características iniciais, já que as elevadas tensões a que são submetidos criam estiramento e deformações permanentes que inviabilizam a sua segunda montagem.

                   É por essas razões que um parafuso com aperto angular (grau) e não de aperto convencional (quilos), pode garantir as condições de estanquiedade requerida por uma junta de cabeçote, onde este valor de ajuste correto é importantíssimo para o bom desempenho funcional da mesma, pois necessita de maior força de aperto entre os planos do bloco e do cabeçote, para seu correto funcionamento, garantindo assim uma excelente vedação dos gases de combustão e dos fluídos circulantes no motor.

 

 Considerações gerais:

                   Observar que após sua limpeza, deve-se lubrificar ligeiramente as roscas e arruela dos parafusos, pois de acordo com as condições de limpeza e lubrificação, a força de tração nos mesmos varia, mesmo tendo sido aplicado o mesmo torque nos parafusos de fixação.